"A net está a mudar-nos o cérebro?"

 

«Capacidade de concentração reduzida. Menos interesse pela reflexão e a introspecção. Incapacidade para se envolver em pensamentos profundos. Raciocínio fragmentado e confuso.

As maneiras como a Internet afecta supostamente o pensamento são tão apocalípticas como especulativas, uma vez que tudo o que se escreve acima é apoiado por dados não experimentados e episódicos. É por isso reconfortante ouvir como 109 filósofos, neurobiólogos e outros estudiosos responderam à pergunta: "Como é que a Internet está a mudar a maneira como pensamos?" Esta é a "pergunta do ano" no salon online edge.org, onde todos os anos o empresário cultural, autor e agente literário John Brockman coloca um enigma para o seu rebanho de cientistas e outros pensadores. (...)»

 

 

 

Matéria interessante e acessível aos olhos de todos, disponível aqui, no Expresso online.

Publicado por Psicologia & Alimentação às 00:26 | Link do post